A amnésia do dr. Passos e a modéstia da dra. Maria Luís

A Estátua de Sal

(Nicolau Santos, in Expresso Diário, 04/07/2016)

nicolau

Nos últimos dias, o dr. Passos Coelho e a dra. Maria Luís deram pujantes sinais de vida. O primeiro esclareceu-nos que o atual Governo está a dar cabo da bela obra que ele edificou. A segunda garantiu-nos que com ela ao leme das Finanças não estaríamos com o cutelo das sanções apontado ao pescoço.

Comecemos, por uma questão de educação, pela dra. Maria Luís. A ex-ministra das Finanças e atual vice-presidente do PSD teve um ataque de modéstia e disse para que não houvesse dúvidas: “Se eu fosse ministra das Finanças, a questão das sanções não se colocava”.

Maria Luís tem toda a razão. Se ela fosse ministra das Finanças, a questão das sanções não se colocava, mas não pelas razões que ela pretende que supostamente são as verdadeiras, ou seja, a gestão orçamental de 2015. Mesmo que fosse ela a ministra e o…

View original post mais 720 palavras

Advertisement

EM BELÉM. ODE A DIOGO GASPAR, “manitas de plata”

A Estátua de Sal

(João Mendes Fagundes, in Facebook, 02/07/2017)

Gasparzinho andava no gamanço
O que até o seu patrão desconhecia,
Chegou mesmo a aliviar um manipanço
E dos bons, penico Dona Maria.

Gasparzinho várias vezes cavaleiro
Deixou quase vazia a presidência.
Operacional sofisticado e bem videiro,
Quem iria suspeitar da intendência?

Pois olhai, ó timoneiros deste povo
Que é mister não medalhar um gajo em vida,
Como fizestes ao Gaspar ainda em ovo.

Que é correntia a abébia, e consentida,
Que é liberal o gamanço, ó nobre povo,
E que os Deuses bafejam esta lida.

Dizei então agora, ó gente lusa
Se não é caso p’ro Gaspar perder a tusa?

E que Hermes e Mercúrio digam chiça
E venham já reparar esta injustiça.

diogo_gaspar3

View original post